Início > Uncategorized > Secretário revela que o PMDB tem 30 cargos no governo do Estado.

Secretário revela que o PMDB tem 30 cargos no governo do Estado.

201605170502540000007510 O secretário de Estado da Comunicação Institucional, Luiz Torres, revelou nesta terça-feira (17), a existência de 30 cargos com nomeação direta do PMDB, nos primeiro, segundo e terceiro escalões do Governo da Paraíba. De acordo com Torres, é de estranhar que um partido aliado, com tamanho prestígio na gestão estadual, esteja filiando adversários políticos do governador Ricardo Coutinho (PSB), a exemplo do deputado estadual Ricardo Marcelo, e apresentando pré-candidatura a prefeito de João Pessoa, principal reduto eleitoral dos socialistas.

“Qualquer pessoa que tenha uma clareza de leitura pode estranhar que movimentos como esse, que vão desde movimentos próximos a adversários políticos do governador, a movimentos mais nítidos de estar muito configurado um debate aqui em João Pessoa, contrário à gestão do PSB. Existe dentro do PMDB um setor claro de oposição ao projeto do PSB aqui na Capital. Além disso, [ocorre] uma ou outra declaração [contrária], e ontem com a entrada do deputado Ricardo Marcelo, é óbvio que se supõe [o rompimento político do PMDB com o PSB], porque existem fatos e há de se estranhar esses movimentos”, comentou Luiz Torres em entrevista à Correio FM.

O secretário disse que o PMDB ocupa cargos de secretários, de secretários executivos, de diretoria e superintendência de órgãos estaduais. Questionado se a posição política dos peemedebistas seria motivo para exonerações, Luiz Torres, preferiu responder ironicamente com outra pergunta: “É para ficar desse jeito?”.

Apesar da declaração, o secretário destacou que não é filiado do PSB e que não pode se manifestar em nome do partido, mas opinou que a questão da continuidade ou não da aliança entre PSB e PMDB deve ser discutida entre as principais lideranças dos dois partidos no Estado, respectivamente, o governador Ricardo Coutinho e o senador José Maranhão.

“Naturalmente, esse é um assunto de tamanho para o governador do Estado e o senador José Maranhão discutirem sobre isso. Eu acho que a gente, em planície, não pode fugir da leitura que há um processo, de pelo menos, questionamento. Como é que se explica? Existem companheiros valorosos dentro do governo que são indicações diretas do próprio senador Maranhão, e as pessoas se perguntam, é assim mesmo?”, frisou.

Por Ângelo Medeiros – WSCOM

Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: